Fronha de cetim realmente funciona? Descubra aqui

Você já ouviu falar da fronha de cetim? Diferentemente do que muitas pessoas pensam, ela não é só um acessório do quarto para ser colocado no travesseiro. O tecido cetim é conhecido por suas propriedades que ajudam nos cuidados com o cabelo diminuindo o frizz e o arrepiado dos cabelos.

Muito usado pelas cacheadas e crespas, esse tipo de produto não é exclusivo para esses tipos de cabelos e pode ser adicionado na rotina de cuidados diurnos e noturnos de todos os tipos de madeixas.

Mas, a dúvida que fica é: a fronha de cetim realmente funciona? Pensando nisso, criamos esse post para responder essa e outras perguntas sobre o assunto. Confira.

O que é essa prática?

O uso da touca de cetim para os cabelos não é recente, mas a prática se tornou popular há alguns anos quando o incentivo pelos fios naturais se tornou mais forte. Ela foi criada com a intenção de diminuir o frizz em madeixas onduladas, cacheadas e crespas. Isso porque a fricção de outros tipos de tecidos com os fios faz com que haja frizz e arrepiados no cabelo.

O algodão das fronhas é um dos principais responsáveis pela eletrização do cabelo, especialmente durante a noite. Dormir com a fronha de cetim nas madeixas evita esse contato, além do fato que esse tecido não estimula a fricção e produção de frizz.

Como é feito o uso?

Usar a touca e fronha de cetim nos fios é bem fácil e pode ser feito tanto ao longo do dia como a noite, para dormir. O ideal é utilizar uma fronha, um pedaço do tecido que caiba o cabelo inteiro ou uma touca de cetim desenvolvida especialmente para isso, é possível encontrá-las em lojas físicas ou onlines em sites de cosméticos.

Para colocar no cabelo é bem simples, basta prender os fios em rolinhos mais soltinhos e colocar o tecido ou touca. O recomendado é que as madeixas estejam presas para que não soltem ao longo da noite, mas não muito apertado para não quebrar os fios. Caso opte por usar uma fronha de cetim não é necessário embrulhá-la nos fios, basta colocar no travesseiro e dormir normalmente.

Quais as principais dúvidas a respeito da fronha de cetim?

As principais questões que surgem e vamos responder agora são: a fronha de cetim é realmente é boa para o cabelo? Ela realmente funciona, mito ou verdade?

VERDADE, assim como foi comentado acima, o cetim é um tecido que não agride os fios, não causa fricção e não absorve líquidos ou óleos presentes no cabelo.

Outra pergunta importante é: a fronha de cetim pode ser usada por todos os tipos de cabelos? E SIM, a fronha de cetim é extremamente recomendado a qualquer tipo de madeixas, sendo mais benéfica para as onduladas, cacheadas e crespas que são as que mais sofrem com frizz.

O que é mais recomendado para o cabelo, fronha de algodão ou cetim? Essa é outra dúvida que costuma surgir ao abordar o assunto e a fronha de cetim é a melhor escolha. Como foi falado a fronha de algodão causa atrito com os fios, o que pode causar frizz, nós e, até mesmo, diminuir a definição. Além disso, por conta do poder de absorção do tecido, algodão acaba sugando os óleos naturais, hidratação e água presente nas madeixas.

Quais os benefícios da fronha de cetim?

Como deu para perceber a fronha de cetim é uma alternativa mais saudável e recomendada que os tecidos tradicionalmente usados no dia a dia. Mas, afinal, quais os benefícios que o cetim pode trazer para as madeixas? Abaixo apresentamos as principais vantagens que a fronha de cetim pode proporcionar:

  • diminuir o frizz: como foi comentado acima, um dos principais benefícios da fronha de cetim é a diminuição do frizz. Diferente dos outros tipos de tecido, o cetim não causa atrito com o cabelo, evitando a formação de frizz;
  • evitar a formação de nós: o uso do cetim evita a fricção entre os fios e o tecido, fazendo com que o cabelo forme menor quantidade de nós;
  • evitar aumento da porosidade: a porosidade é o desequilíbrio das cutículas que protegem a fibra capilar e, quanto mais alto, mais quebradiços e ressecados ficam os fios. Com a fricção provocada por outros tecidos, o cabelo acaba se tornando mais poroso e, consequentemente, mais fragilizado;
  • manter a hidratação e nutrição: um dos principais malefícios das fronhas de algodão e outros tipos é que esses tecidos absorvem os produtos, oleosidade natural e água presentes nos fios, deixando-os ressecados, quebradiços e armados;
  • definir os cachos: as fronhas de cetim ajudam a manter a definição dos cachos. Isso porque como não há atrito, o cabelo não perde o formato natural. Favorecendo o day after e mantendo a definição por mais tempo.

Assim como as toucas de cetim são uma alternativa viável para a fronha, existem outras práticas que podem ajudar a potencializar os benefícios do uso do tecido de cetim. Um deles é o uso de óleos para umectação durante a noite, tecidos como algodão acabam absorvendo os óleos e removendo o produto dos fios, enquanto o cetim não absorve e proporciona mais nutrição e cuidados aos fios.

Além disso, a touca de cetim também pode ser usada por quem fizer hidratação e reconstrução nos fios, durante o período de espera para a máscara agir.

Como se pôde perceber, a fronha de cetim funciona sim, e muito bem, especialmente para cabelos ondulados, cacheados e crespos. Ela proporciona diversos benefícios aos fios, além de ajudar a deixá-los mais saudáveis e hidratados, independente do uso diurno ou noturno.

Mas, é importante lembrar que esse acessório sozinho não faz milagre, são necessários cuidados e práticas diárias para diminuir o frizz e manter a saúde e beleza das madeixas, além da fronha de cetim.

E aí, o que achou de conhecer mais sobre a fronha de cetim e descobrir que ela realmente funciona para o cabelo? Pretende adicioná-la aos seus cuidados diários? Aproveite e descubra aqui o que é, quais as principais causas e como evitar o frizz nos fios.

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.