cuidados pós progressiva

8 cuidados pós-progressiva que você não pode deixar de ter

Shampoo: guia de como usar esse produto nos cabelos

Um erro comum é as pessoas fazerem progressiva e depois não investir em cuidados mais profundos, como fazer um cronograma capilar, por exemplo. Nesse sentido, ressaltamos que esse tipo de alisamento é uma química, portanto, necessita de cuidados pós-progressiva para ajudar as mechas a se recuperarem e evitar o ressecamento.

Entretanto, a progressiva não tem efeito de hidratação como muitas mulheres acreditam e, depois, negligenciam os tratamentos pós-química. Esse alisamento pode danificar os cabelos, principalmente quando feito em excesso. O resultado são fios ressecados, sem brilho, ponta dupla e até queda capilar.

Nesse sentido, para evitar que o seu cabelo fique com aspecto de mal cuidado, criamos este post com dicas para cuidados pós-progressiva que você deve levar em conta. Acompanhe!

1. Capriche na hidratação

Logo quando você pensa em fazer a progressiva, seja pela primeira vez, seja um retoque, já deve considerar um agendamento de hidratação no salão e em casa. Acredite: quando o seu cabeleireiro fala da hidratação e dos cuidados pós-progressiva, ele não está exagerando. Inclusive, é interessante acompanhar de uma nutrição e reconstrução.

O motivo é que o alisamento químico altera as fibras do cabelo, causando um desequilíbrio que pode resultar em ressecamento, elasticidade e ponta dupla, por exemplo. Tem pessoas que o fio quebra ou começa a ter queda capilar. Por isso, a hidratação — e um cronograma completo — vai ajudar a equilibrar a estrutura do cabelo novamente.

2. Proteja os fios do calor

A progressiva por si só já causa muitos danos, devido à exposição ao calor do secador e da chapinha para selar os produtos, que podem ser agressivos para o cabelo. Contudo, depois de finalizar o procedimento, evite, ao máximo, expor ainda mais os fios às temperaturas altas, como na água do banho ao lavar.

O calor já faz mal para os cabelos livres de qualquer química, então imagina para os fios com progressiva? As cutículas podem se abrir com mais facilidade e, consequentemente, além das pontas duplas, diminui o tempo do produto no cabelo. Portanto, evite água quente, mantenha a distância de um palmo do secador e utilize um protetor térmico.

3. Faça cauterização

Assim como a hidratação é indispensável, a cauterização é um procedimento essencial para ajudar na reestruturação do seu cabelo. Ela é um tratamento potente com queratina que auxilia na reconstrução das mechas. Portanto, indicada não só para cuidados pós-progressiva, mas para fios que estão frágeis e quebradiços.

Além disso, ela contribui para recuperar os danos naturais e químicos do cabelo e evita pontas duplas, pois fecha as cutículas abertas. Entretanto, a cauterização ajuda a manter a progressiva por mais tempo.

4. Tenha atenção com as pontas

As pontas por estarem nas extremidades dos fios podem perder a hidratação com mais facilidade. Por isso, notamos a ponta dupla, espessura mais fina e, inclusive, um pouco ralo comparado às demais partes do cabelo. Geralmente, essas características aparecem, mais ou menos, 60 a 90 dias depois da progressiva, quando os cuidados não são seguidos.

Portanto, procure aparar as pontas regularmente, mas não significa que precisa mudar o corte ou tirar muito do comprimento, caso você não queira. Essa manutenção é para ajudar a retirar as células mortas do cabelo, que dão aspecto de mal cuidado e sem brilho. Algumas técnicas de corte permitem tirar apenas as pontinhas sem mudar o tamanho do cabelo.

5. Use produtos específicos

Todo tipo de cabelo, seja ele com química ou não, precisa de produtos específicos para as suas características. Isso ajuda a manter o vigor das mechas, pois, por exemplo, os produtos para cabelos crespos têm ativos que ajudam na hidratação dos fios que tendem a ressecar nas pontas. Já para os lisos, esse mesmo shampoo pode deixar a raiz oleosa.

Portanto, dê preferência às linhas indicadas para cabelos com progressiva e alisamentos químicos. Afinal, eles terão em suas composições ativos para repor a umidade e nutrientes perdidos. Alguns desses componentes são óleo de argan, pantenol, ceramidas e outros com efeitos hidratantes.

6. Seque os fios antes de dormir

Deixar o couro cabeludo molhado por um longo período pode ser prejudicial, pois além dos fungos que se proliferam, pode enfraquecer o cabelo. Por isso, não é recomendado dormir com ele úmido, pois vai abafar o cabelo no travesseiro. Inclusive, esse hábito altera a estrutura do fio, comprometendo o seu alisamento, e aumenta os riscos de quebrá-los.

Nesse sentido, sempre seque bem o cabelo antes de dormir, podendo utilizar um secador e usando protetor térmico, ou uma toalha de algodão. Contudo, não esfregue ou torça o tecido no cabelo, mas sim, pressione delicadamente a toalha no comprimento e passe na raiz para retirar o excesso de água.

7. Fuja dos shampoos antirresíduos

Esse tipo de shampoo, bem como o antipoluição são muito agressivos para os cabelos. Portanto, é mais indicado utilizar no máximo uma vez ao mês ou quando sentir que o cabelo está muito sujo. Eles funcionam como um detergente, que limpa profundamente, mas tiram toda a gordura e hidratação do cabelo. Por isso, tenha cuidado.

Os antirresíduos ajudam a retirar os produtos químicos do cabelo, então progressivas e colorações, por exemplo, vão durar menos com este shampoo. O ideal é apostar em produtos para limpeza indicados para pós-química ou para cabelos quimicamente tratados. Assim, eles ajudam na revitalização do fio sem agredir na lavagem.

8. Evite lavar o cabelo todos os dias

Por falar em lavagem de cabelo, muitas mulheres evitam lavar as mechas para a progressiva durar mais tempo. Na verdade, essa química dura, em média, 30 a 40 lavagens. No entanto, deixar as mechas sujas não é a melhor opção, pois a oleosidade e fungos podem prejudicar o couro cabelo e as estruturas da raiz.

Portanto, lave os cabelos em dias alternados ou a cada dois dias. Porém, procure analisar como está a aparência do cabelo, pois se estiver poluído é irrelevante manter nesse estado. Inclusive, invista na diversificação dos produtos para lavar, assim, evita que o cabelo se acostume com determinado produto e reduza a absorção dos ativos dele.

Por fim, agora você já sabe o quanto é essencial investir nos cuidados pós-progressiva no seu cabelo. Além disso, considere os produtos de qualidade e confiança para garantir uma boa manutenção dos fios e durabilidade do alisamento. Por isso, use a linha pós-progressiva da Haskell, com produtos focados em todos os passos essenciais para os cuidados com as mechas.

Aproveite para conhecer a nossa variedade de produtos para cabelos com especificações diferentes para cada necessidade!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.