Com o passar dos anos as pessoas envelhecem, as rugas, manchas, linhas de expressão e cabelos brancos aparecem. Por isso, é comum encontrar mulheres sempre em busca de parecer mais jovens. Não é à toa que existe um grande mercado de cosméticos e estética que está saturado de produtos e técnicas para ajudar a retardar o efeito do tempo.

Mas, esses procedimentos são caros e muitas pessoas não tem condições de investir. Sendo assim, existe uma outra maneira que auxilia a dar o efeito mais jovem, o corte de cabelo.

Pensando nisso, criamos este post para explicar, um pouco, sobre como funciona e como escolher um corte de cabelo para ficar mais jovem. Confira.

Por que se deve escolher um corte de cabelo com cuidado?

O cabelo é considerado a moldura do rosto e, com isso, ajuda a parecer mais jovem. Para isso é necessário escolher o corte e a cor certa, esse tipo de combinação tem um nome e se chama visagismo. Ele é uma ótima dica para acertar no tom e modelo que combinam mais com cada pessoa.

Um corte de cabelo bem escolhido pode influenciar na aparência e autoestima da mulher. Mas engana-se quem pensa que é trabalhoso e cansativo escolher, com alguns passos e dicas se torna mais fácil que se imagina. Caso tenha curiosidade, há a opção também de procurar um profissional para auxiliar nesse momento.

Como escolher um corte de cabelo?

É de conhecimento geral que escolher o melhor corte de cabelo para ficar mais jovem é uma tarefa importante para a beleza da mulher. Nos tópicos a seguir, daremos algumas dicas que podem facilitar esse processo.

Utilize o corte certo para seu formato de rosto

Uma das melhores maneiras de destacar seu rosto é apostar no corte certo. É ele que acentua as coisas boas e disfarça as imperfeições. Para isso, primeiro você tem que identificar seu tipo de rosto, uma maneira fácil de fazer isso é ficar parada em frente ao espelho e observar. Outra dica é pegar uma foto de frente e tentar fazer os desenhos em cima dela.

Depois é só pesquisar e escolher o corte que mais te agrada, seja ele longo, seja curto. Alguns cabeleireiros sabem identificar exatamente o tipo de rosto e qual corte ficaria melhor para aquele cabelo, veja alguns truques:

  • rosto oval: por conta do formato mais proporcional, os rostos ovalados combinam com praticamente todos os tamanhos e cortes;
  • rosto retangular: este tipo de rosto é conhecido por ser mais rígido, por isso pede cortes mais desalinhados e franjas, dando suavidade;
  • rosto redondo: por conta do formato, é indicado evitar volumes nas laterais, assim não dá a sensação de maior;
  • rosto largo: para quem tem rosto largo, o ideal é evitar excesso de volume na altura dos olhos e bochechas;
  • rosto alongado: cortes e penteados lisos ou alinhados devem ser evitados, ele dão a impressão de que o rosto é mais comprido.

Aposte nos cortes mais radicais

É comum ter medo de apostar no radical e depois não gostar, mas quando o assunto é cabelo fica difícil não agradar. Para que não corra o risco de não agradar, opte sempre por um bom cabeleireiro, alguém que tem experiência e ótimas indicações.

Existem diversos cortes diferentes e mais radicais, basta pesquisar e achar um que tenha mais a ver com você e seu estilo.

Uma dica legal para quem tem medo de mudar muito é doar o cabelo cortado para caridade. Dessa maneira, a pessoa tem uma grande mudança no visual e ainda faz uma boa ação, desse jeito fica difícil de arrepender.

Opte por cortar os fios em camadas

O corte de cabelo em camadas é um ótimo tipo para ficar mais jovem. Este tipo de corte dá mais personalidade e leveza à mulher, além disso ele adiciona mais volume aos fios, deixando-os bem bonitos e ousados. Este é um ótimo corte para quem tem pouco volume ou pouco cabelo.

Para as cacheadas esse corte também pode funcionar superbem. Ele faz com que os cachos encaixem com mais facilidade, além de dar mais definição e volume. Para que isso aconteça, evite usar navalha na hora de cortar.

Converse com o seu cabeleireiro antes de cortar

Um ponto que pode ser crucial na hora de cortar o cabelo é a conversa com o cabeleireiro. Quando se deixa claro o que quer e quanto quer tirar, as chances de alguma coisa dar errado ou não agradar no final diminuem.

Profissionais sempre sabem o que pode funcionar melhor para cada tipo de rosto ou personalidade. Por isso, caso esteja em dúvida e queira indicações, converse com ele e pergunte o que pode funcionar para você. Para as mais ousadas, deixar que o cabeleireiro faça o que preferir é uma ótima ideia também.

Escolha um corte que combine com sua personalidade

Um dos pontos principais na hora de escolher uma corte de cabelo para ficar mais jovem é optar por um que combine com a sua personalidade. Se você é uma pessoa mais discreta que não gosta de chamar atenção, ou gosta de cabelos mais simples, não tente mudar esse jeito e no final correr o risco de não gostar.

Da mesma maneira, se você adora mudanças e novidades saia da mesmice e escolha algo que combine com seu jeito de ser. A nossa personalidade deve ser o ponto principal quanto às escolhas de roupas, sapatos, cabelo e estilo, assim nos sentimos bem com nós mesmas.

Independentemente do tipo e tamanho de corte que escolher, o importante é estar feliz e se sentir bem consigo mesma. Por isso, escolha um corte de cabelo para ficar mais jovem que te agrade e te faça feliz. Caso não goste do resultado final não sinta medo ou vergonha de falar e tentar mudar. Esse é o lado bom do cabelo, ele cresce e dá para mudar sempre.

Agora que já sabe mais sobre como escolher um corte de cabelo para ficar mais jovem, já pode começar a pensar na próxima mudança dos fios, não é mesmo? Aproveite e conheça 11 cortes de cabelos curtos que são tendência para 2019 e se inspire.