Ter os cabelos bonitos e saudáveis é o desejo de muitas pessoas. Mas, para que isso aconteça é necessário mais que simplesmente lavar. São diversos cuidados e tratamentos que ajudam a potencializar os resultados, especialmente nos cabelos crespos.

Eles são caracterizados por serem ressecados e frágeis e por isso necessitam de um pouco mais de atenção. Pensando nisso, criamos esse post que servirá como um guia completo de como cuidar do cabelo crespo. Confira.

1. Como cuidar de cabelos crespos

Como qualquer tipo de cabelos, para manter os fios crespos saudáveis são necessários cuidados e procedimentos diários. Hidratar, nutrir, reconstruir, proteger dos raios solares, umectar e usar produtos específicos para crespos são algumas dessas prudências. Mas, apesar de parecer cansativo e com muitas etapas, esse processo é rápido e até dá a sensação de bem-estar.

O primeiro passo para aprender a cuidar de cabelo crespo é aceitá-los como são, com suas curvas, formatos e tamanhos. O segundo passo é identificar qual o seu tipo de crespo, para ajudar vamos falar um pouco mais sobre isso no tópico abaixo.

2. Tipos de cabelos crespos

Nenhum cabelo é igual, nem os lisos, ondulados, cacheados ou crespos. Cada um tem suas especificidades e peculiaridades. Mas, dentre as categorias de cabelos mencionadas existem subcategorias que ajudam com os cuidados para deixar os fios mais bonitos.

Essas categorias são determinadas 1, 2, 3 e 4, sendo: lisos, ondulados, cacheados e crespos. As subcategorias são denominadas A, B e C, sendo que vão aumentando de acordo com o grau de curvatura. Como mencionado, os crespos são chamados de tipo 4, a seguir, explicamos um pouco mais sobre ele e suas subcategorias.

Crespos 4A

São os mais parecidos com os cabelos cacheados, seus cachos são abertos e definidos, e por isso, é comum que muitas pessoas apresentem o tipo 3C e 4A misturados. Nesse caso, é possível considerar os fios 3C como crespos em vez de cacheados. Tendem a ser ressecados nas extremidades e com formato espiral.

Crespos 4B

Cachos apertados, estreitos e menores. Mas, também podem ser mesclados com fios no formato zigue zague, sem muita definição. Costumam ser ressecados, frágeis e mais suscetíveis a quebra.

Crespos 4C

No caso dos crespos 4C as molinhas são quase imperceptíveis. Com pouco ou nenhuma definição, costumam apresentar o formato “Z” em praticamente todo o cabelo. Por conta disso, é mais ressecado e frágil que todos os tipos, podem se quebrar com facilidade.

É comum que as madeixas apresentem mais de um tipo e grau de curvatura. Por isso, é importante lembrar que essas categorias servem para a pessoa usar como base na hora de comprar produtos e fazer determinados procedimentos. Elas não são regra.

3. Importância de cuidar dos cabelos crespos

Como você pôde perceber, uma das principais características do cabelo crespo é o ressecamento nas extremidades. Por conta do seu formato é comum que a hidratação e nutrientes tenham maior dificuldade para chegar às pontas. E esse é um dos principais motivos pelos quais cuidar de cabelo crespo é tão importante.

Madeixas bem cuidadas além de serem saudáveis, fazem com que os cachos e fios fiquem mais definidos e bonito. Isso faz com que os cuidados sejam necessários. É a partir de determinados produtos e procedimentos que os fios recuperam todos os componentes perdidos ao longo dos dias, e criam uma película de proteção contra a poluição diária.

4. Principais problemas de quem tem cabelo crespo

Dentre os principais problemas do cabelo crespo estão o ressecamento e a fragilidade, sendo o segundo derivado do primeiro. Essa fragilidade e sensibilidade acabam fazendo com que muitas pessoas tenham dificuldades para deixar os fios crescerem, além de perderem muito cabelo ao longo dos dias, especialmente no inverno.

Outra questão considerada um problema de quem tem cabelo crespo é a dificuldade de finalização. Como muitos crespos não tem muito formato ou definição, é comum que o indivíduo não saiba que produto usar ou como finalizar para deixá-los bonitos.

5. Dicas e cuidados para quem tem cabelo crespo

A partir do que foi mencionado acima, deu para perceber que os cuidados com o cabelo crespos são essenciais para deixá-los bonitos, além de necessários para mantê-los saudáveis. E é em razão disso que listamos abaixo algumas dicas e cuidados para quem tem cabelo crespo:

  • hidrate sempre: como comentado acima, a hidratação é um tratamento necessário para devolver a água aos fios. Para isso, o indicado é fazê-la ao menos uma vez por semana. Uma dica legal é intercalar com produtos para nutrição e reconstrução, criando um cronograma capilar;
  • evite água quente: a água quente é um dos piores inimigos de qualquer tipo de cabelo, especialmente os crespos. Ela remove a oleosidade natural das madeixas, deixando-as ressecadas e opacas;
  • cuidado ao desembaraçar: por serem muito frágeis, os cabelos crespos tendem a se quebrar durante o processo de desembaraçar. Para que não se danifiquem, tente fazer isso durante o banho enquanto estiver com condicionador nos fios, ou então, aplicar um creme para pentear;
  • faça umectação: assim como a hidratação, a umectação é uma aliada dos crespos. Ela consiste em aplicar óleos naturais no cabelo para devolver os componentes perdidos com o passar do tempo;
  • aposente a toalha: o tecido da toalha tende a causar fricção com os fios, fazendo com que fiquem com frizz. Por isso, uma dica legal é usar um tecido de algodão para secar o cabelo. Ele pode ser um pedaço de um pano ou uma blusa velha que você não usa mais;
  • use produtos específicos: atualmente já existem produtos desenvolvidos para todos os tipos de cabelo. Com os crespos não é diferente, eles foram feitos para devolver a hidratação e evitar o ressecamento e a quebra das madeixas.

6. Técnicas para cuidar de cabelo crespo

Com todos esses cuidados e etapas, pode parecer cansativo e trabalhoso manter o cabelo crespo saudável. Para que isso não aconteça, separamos algumas técnicas que facilitam o seu dia a dia.

Faça misturinhas

As misturinhas podem ser ótimas aliadas dos crespos para o dia a dia. Sejam elas de máscaras de tratamentos, óleos ou finalizadores, elas ajudam a potencializar os efeitos dos produtos. Uma dica legal para o day after é colocar um pouquinho de água com ativador cachos em um borrifador e aplicar ao longo dos fios, revitalizando o cabelo e tirando a aparência de amassado.

Corte com frequência

Por conta de seu formato, as pontas do cabelo acabam ficando mais ressecada e isso faz com que os cuidados fiquem prejudicados. Por isso, corte os fios com frequência, isso ajuda a deixá-los mais saudáveis.

Faça massagens capilares

As massagens capilares além de prazerosas ajudam no crescimento dos fios e a fazer com que os produtos penetrem com mais facilidade. Elas podem ser feitas na raiz e por todo o comprimento das madeixas.

7. Como hidratar o cabelo crespo

Como explicamos, a hidratação é um passo importante para deixar os fios saudáveis e bonitos. Para quem não sabe como fazer esse procedimento, abaixo montamos um passo a passo explicando tudinho.

1º passo: lave o cabelo, em água morna, com shampoo de sua preferência.

2º passo: remova todo o excesso de água dos fios com o auxílio de uma camisa velha ou tecido de algodão.

3º passo: escolha uma máscara de hidratação de sua preferência, caso queira pode misturar mais de uma, além de óleos naturais também.

4º passo: separe o cabelo em mechas e aplique a máscara por todo o comprimento dos fios, dando mais atenção às pontas.

5º passo: aguarde o tempo indicado na embalagem. Se quiser, pode colocar uma touca térmica para aumentar a eficácia produto.

6º passo: enxágue os fios com água morna e remova todo o produto das madeixas. Logo após aplique um condicionador e enxágue.

7º passo: finalize da maneira que preferir.

Uma dica legal é criar um cronograma capilar. Ele consiste em montar uma agenda de cuidados revezando entre hidratação, nutrição e reconstrução de acordo com a necessidade dos fios.

8. Como fazer a umectação capilar

A umectação capilar é uma grande aliada dos crespos. Além de devolver os nutrientes para os fios, ela também ajuda na definição e saúde das madeixas. Abaixo damos algumas dicas e informações de como fazer esse tratamento tão incrível:

  • para fazer a umectação é necessário escolher um óleo vegetal ou até mesmo uma máscara que tenha um óleo em sua fórmula;
  • a aplicação é feita diretamente nos fios, evitando a raiz. Não há necessidade de lavar o cabelo, funciona melhor com ele sujo, é só aplicar o produto em todo o comprimento das madeixas, dando mais atenção às pontas;
  • o óleo precisa ser absorvido pelos fios, por isso o ideal é deixar pelo menos 30 minutos no cabelo. Para quem não tem muito tempo ao longo do dia, pode aplicar à noite antes de dormir e remover assim que acordar pela manhã;
  • para a remoção, basta lavar o cabelo com água morna e abundante. Lave os fios com um shampoo de limpeza e aplique um condicionador. A finalização fica a escolha de cada um.

Dentre os óleos indicados para fazer umectação estão: de coco, de abacate, de rícino, de argan, de uva, de amêndoas e até mesmo o clássico azeite de oliva extravirgem.

9. Como finalizar fios crespos

Finalizar o cabelo é um dos passos mais importantes para dar mais definição e deixá-los bonitos. Para quem tem cabelos crespos existem diversas opções de finalização, cada uma com seu objetivo. Confira a seguir nossas dicas de como finalizar fios crespos.

Encontre o finalizador para seu crespo

Com tantos produtos disponíveis no mercado, atualmente, fica até difícil decidir qual comprar e se vai funcionar para seu cabelo. Por isso, é importante encontrar o finalizador ideal para o seu crespo. Uma dica é escolher por eliminação: exclua as opções que não tenham a textura, objetivo e até cheiro que não te agrade.

Outra opção é testar, mas não precisa ser tudo de uma vez. Vá comprando aos poucos diferentes produtos e cremes, assim saberá quais te agradam mais e quais não funcionam tão bem.

Teste finalizações diferentes

Assim como os finalizadores, existem diversos produtos para dar o acabamento nos cabelos crespos, cada uma com seu passo a passo e resultado final. Testar todos, um de cada vez, pode te ajudar a encontrar o que você gosta mais e vê mais resultado nos seus fios. Dentre as opções têm a fitagem comum, estruturada, dedinho, rake and shake.

Invista em texturização

Aqui vai uma rima que não vai sair da cabeça: texturização é sinônimo de definição. Como comentamos, é comum que os crespos não tenham tanta definição, especialmente o 4C. Por conta disso, quem deseja ter cachos mais definidos pode e deve apostar na texturização. Ela nada mais é do que diferentes penteados que ajudem a enrolar os fios, como tranças, coquinhos e dedoliss.

Tenha um pente garfo se quiser volume

Para muitas pessoas, crespos e volume andam sempre juntos. E se você é uma dessas que adora adicionar um volumão ao visual, uma boa dica é investir em um pente garfo. Existem diferentes tipos e modelos que garantem os mais variados resultados. Mas, o passo a passo é basicamente o mesmo:

  1. posicione o pente no couro cabeludo, quanto mais perto da raiz melhor;
  2. comece a mexer o pente de um lado para o outro, aqui o objetivo é “soltar” os fios da raiz;
  3. em seguida comece a puxar o pente em direção as pontas, aumentando o volume das madeixas;
  4. faça isso até atingir o volume desejado e pronto, já tem aquele volumão de respeito.

Aposte em óleos para reduzir o volume

Mas, assim como existem aqueles que amam um volume, também tem os que não são tão fãs e gostam dos fios mais baixinhos. Para isso, basta apostar em óleos. Por serem mais consistentes eles acabam pesando os fios, diminuindo o volume. Podem ser usados óleos puros ou finalizadores que contem com esse ingrediente em suas fórmulas, esteja atento às embalagens.

10. Produtos essenciais para cuidar de cabelo crespo

Ao longo desse texto já deu para perceber que alguns produtos são essenciais para os cuidados com os cabelos crespos. Abaixo fizemos uma pequena lista com os itens que não podem faltar:

  • shampoos e condicionadores específicos para cabelos crespos;
  • máscaras de hidratação, nutrição e reconstrução;
  • óleos vegetais;
  • finalizadores, eles podem variar de acordo com a preferência de cada um.

Vale lembrar que não é necessários ter todos os produtos de uma vez ou vários de cada categoria. A escolha de quais ter em casa depende da preferência e de quais itens funcionam melhor para cada cabelo.

Como se pôde perceber, os cuidados com cabelos crespos são necessários não só para mantê-los bonitos, mas também saudáveis. Por conta de seu formato é comum que fiquem ressecados e quebradiços com mais facilidade e os tratamentos são ótimas opções para evitar que isso aconteça.

Não se esqueça que todo cuidado começa de dentro para fora, por isso beba bastante água e mantenha uma alimentação balanceada e rica em nutrientes e vitaminas. Caso sinta que há necessidade, procure um especialista, ele pode indicar os melhores procedimentos para seus fios.

Agora que você já aprendeu como cuidar de cabelo crespo já pode começar cuidar dos seus fios, não é mesmo? Aproveite e assine a newsletter para receber mais informações como essa.